quinta-feira, fevereiro 26, 2009

Intróito

E não é que eles sabem
Que o sonho é uma constante
Da vida
E da morte

E que quando um homem sonha
Eles temem a sorte e a má sorte
Da vida
E da morte

Porque um homem sonha e vive

(Teorema, Dezembro 2003)

2 comentários:

Multiolhares disse...

Que seria do homem sem sonhos
Bj

poetaeusou . . . disse...

*
é na má sorte da sorte
que da morte
renasce a vida . . .
,
meditativo intróito,
,
abraço
,
*